Lista/Grade

Paragolfe em Bagé, no Rio Grande do Sul, com o golfista Thomaz Segredo

O golfista gaúcho Thomaz Segredo, de 29 anos, professor de educação física, trabalha com inclusão através do golfe na Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Bagé, no Rio Grande do Sul.

“Jogo golfe desde os 10 anos de idade e trabalho há 3 anos com o projeto na APAE. Cada dia da prática do golfe adaptado na experiência de um cadeirante é uma tacada de amor, respeito e dedicação ao esporte”, comenta Thomaz Segredo.

A turma atual da APAE são 40 alunos, mas em média participam 20 das aulas de golfe, sendo alguns cadeirantes. As aulas de golfe adaptado acontecem no campo de futebol ou num gramado da APAE, e muitas vezes atrai atenção das pessoas que passam pelo local.

Thomaz conta que uma das grandes experiência foi levá-los para conhecer o Cantergril Clube de Bagé. “Foi o sonho para eles. A emoção de ver nos olhos eles conhecendo o campo de golfe. Uma sensação única para eles e também para mim”, afimou Thomaz Segredo.

Nascido em Bagé, Thomaz Segredo joga no Cantegril, e deseja ser professor de golfe, enquanto isso está sempre trabalhando para divulgar o golfe, buscando e levando gente nova para o esporte. “Aqui faz muita falta uma escola de golfe para as crianças”, completa Thomaz.

Foto: arquivo pessoal

Sua paixão pelo golfe fez com que seu trabalho de conclusão do curso de educação física, na Urcamp em 2020, fosse “A Prática do Golfe Adaptado na Experiência de um Cadeirante”, realizando suas pesquisas e observações com os jovens da APAE.

“No geral, praticar atividade física traz muitos benefícios para a saúde, principalmente para pessoas com deficiência física e seus benefícios são muito maiores devido a necessidade de cada pessoa. Além da melhoria dos aspectos psicológicos e sociais, como a melhora na autoestima, motivação, confiança, promoção da saúde e socialização, ainda tem a melhora física: força, agilidade, equilíbrio, coordenação motora são alguns deles”, escreveu Thomaz em trabalho.

“Por estes inúmeros benefícios, cada vez mais, o esporte adaptado tem sido aceito e ampliado devido aos resultados alcançados e algumas modalidades são boas opções para as pessoas com deficiência. Objetivando conhecer mais sobre a atividade e seus benefícios enquanto atividade física, constatou-se que o Golfe Adaptado tem proporcionado boas experiências em vários aspectos, conforme as relatadas neste estudo, por meio de uma entrevistas com um aluno praticante”, finaliza.

Thomaz Segredo

Thomaz Segredo tem 14 anos de golfe e queria responder a pergunta:  Qual a percepção de um aluno cadeirante sobre a prática do golfe adaptado na escola enquanto conteúdo da Educação Física? E assim começou o paragolfe em Bagé.

“Portanto, o meu estudo propôs a implementação da prática esportiva, atuando junto à pessoas com deficiência, na modalidade para um adolescente de 12 anos, que é atendido na APAE – BAGÉ, despertando suas habilidades para a prática de esportes refletindo na sua autoestima e socialização, considerando-se que atualmente cada vez mais o profissional dessa área deve estar voltado a diversidade de pessoas e possibilitar intervenções que realmente possa integrar e beneficiar as pessoas com deficiência que buscam novas perspectivas e práticas esportivas para suas vidas”, finaliza Thomaz Segredo.

Veja também:

Parabéns a delegação brasileira com jovens golfistas no Equador Parabéns a delegação brasileira com jovens golfistas no Equador
19TH Hole Tournament no Paradise Lake & Golf, em Mogi das Cruzes, será neste sábado, dia 30 de outubro 19TH Hole Tournament no Paradise Lake & Golf, em Mogi das Cruzes, será neste sábado, dia 30 de outubro
Campeões do Desafio de Golfe Ceará X Brasília Campeões do Desafio de Golfe Ceará X Brasília
71º Sul-Brasileiro de Golfe IESA BMW será disputado no Porto Alegre Country Club 71º Sul-Brasileiro de Golfe IESA BMW será disputado no Porto Alegre Country Club
© 2021 Jornal do Golfe. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.
Toborino Software