Lista/Grade

Guilherme Grinberg vence o 57° Aberto do Itanhangá Golf Club

Guilherme Grinberg Foto: Fábio Vicente

Guilherme Grinberg
Foto: Fábio Vicente

O juvenil paulista Guilherme Grinberg conquistou o 57° Campeonato Aberto do Itanhangá Golf Club, realizado nos dias 11, 12 e 13 de outubro, na Barra da Tijuca, distribuindo pontos para três rankings: estadual, nacional e mundial. Este foi o sexto título de torneios do ranking mundial que Guilherme conquista em 2019

Grinberg, representante do São Paulo Golf Club, venceu de ponta a ponta ao totalizar 207 tacadas, seis abaixo do par, com voltas de 66, 72 e 69 tacadas.

A segunda colocação ficou com Daniel Kenji Ishii, do clube anfitrião, que jogou 212 tacadas, parciais de 71, 68 e 73, seguido por Victor dos Santos, do Alphaville (PR), com um total de 215 (72/72/71) no terceiro lugar.

Daniel Ishii com João Francisco Paraíso, presidente do Conselho do Itanhangá Foto: Fábio Vicente

Daniel Ishii com João Francisco Paraíso, presidente do Conselho do Itanhangá
Foto: Fábio Vicente

Matheus Park, do Paradise (SP), terminou na quarta colocação, com 222 (66/79/77), seguido por Breno Domingos, do Japeri (RJ), que somou 231 (78/79/74) tacadas e ficou no quinto lugar.

Os participantes da categoria scratch e de handicap índex até 8,5 jogaram 54 buracos, de sexta a domingo, enquanto os competidores das demais categorias jogaram 36 buracos, no sábado e domingo.

Entre os jogadores da categoria até 8,5 de índex, vitória de Victor do Santos. Humberto Rodrigues, do Campo Olímpico, e Deivid Oliveira, do Clube Capixaba (ES), completaram o pódio em segundo e terceiro, respectivamente.

Mário Gibson, do Itanhangá, conquistou o título da categoria de índex 8,6 a 14, seguido por Gabriel Fernandes, do Campo Olímpico, e Fernando Fernandes, da FGERJ. Na categoria de índex 14,1 a 22,1, domínio total dos golfistas do Itanhangá. In Yu Kang foi o campeão, seguido por Takayuki Enji e Celso Silva. Ruben Carneiro Neto, do Itanhangá, venceu a categoria de índex 22,2 a 29,3. Clóvis Infante, do Campo Olímpico, ficou com o vice-campeonato; e Paco Casini, do Búzios, terminou no 3º lugar.

Gui Grinberg com Márcio Weber, presidente do Itanhangá Foto: Fábio Vicente

Gui Grinberg com Márcio Weber, presidente do Itanhangá
Foto: Fábio Vicente

A organização distribuiu ainda três premiações especiais, vencidas por Victor do Santos, melhor juvenil; Clóvis Infante, melhor pré-sênior; e Ruben Carneiro Neto, melhor sênior.

O Aberto do Itanhangá foi uma realização do tradicional clube carioca com apoio da Federação de Golfe do Estado do Rio de Janeiro e da Confederação Brasileira de Golfe. A hospedagem oficial foi no Hotel Promenade Paradiso All Suítes, localizado na Avenida das Américas, 487 – Barra da Tijuca.

Confira os resultados completos.

Veja também:

Fred Biondi assume a vice-liderança do Latin America Amateur Championship (LAAC) Fred Biondi assume a vice-liderança do Latin America Amateur Championship (LAAC)
Alexandre Rocha disputa o The Bahamas Great Abaco Classic, segunda etapa do Korn Ferry Tour Alexandre Rocha disputa o The Bahamas Great Abaco Classic, segunda etapa do Korn Ferry Tour
Taça de Abertura da temporada de 2022 do Campo Olímpico do Rio de Janeiro Taça de Abertura da temporada de 2022 do Campo Olímpico do Rio de Janeiro
Torneio de Golfe na Riviera de São Lourenço na próxima segunda-feira, dia 24 de janeiro Torneio de Golfe na Riviera de São Lourenço na próxima segunda-feira, dia 24 de janeiro
© 2022 Jornal do Golfe. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.
Toborino Software