Lista/Grade

Juvenil de Verão – Marina Nonaka vence e dispara como nº 1 do Brasil

Marina Nonaka Foto: Thais Pastor

Marina Nonaka, do Arujá, fez birdies nos quatro últimos buracos para jogar sua segunda volta consecutiva abaixo do par e vencer o 32º Campeonato Juvenil de Verão do Estado de São Paulo, nos dias 16 e 17 de dezembro, no São Paulo Golf Club, em São Paulo (SP), valendo para o ranking nacional. No masculino, Rafael Benadiba, do São Fernando, foi o campeão do torneio disputado paralelamente ao Brazil Invitational, do Brasil Kids Golf Tour, que valeu para o calendário Internacional do US Kids Golf.

Há 13 meses Marina vive a melhor fase de sua carreira, iniciada em novembro de 2020, quando venceu seu primeiro Aberto, no Arujá. Pouco depois, venceu o Juvenil do Estado de São Paulo, que encerrou a temporada nacional juvenil de 2020. Em maio deste ano, Marina venceu duas etapas do Torneio Juvenil de São Paulo e, em setembro, venceu novamente o Aberto do Arujá, desta vez valendo para o ranking mundial amador de golfe (WAGR), onde entrou graças a esse título.

Disparada – Desde então, Marina foi vice-campeã do Aberto do São Paulo e do Sul-Brasileiro, venceu a etapa do Rio Grande do Sul Tour Nacional Juvenil e foi vice-campeã do Amador do Brasil, todos torneios válidos para o WAGR. Desde julho, Marina jogou sete torneios do ranking nacional, venceu três e foi vice em quatro, para terminar o ano disparada como a número 1 do Brasil. Marina também está na 1007ª colocação do WAGR, como a segunda melhor brasileira da lista.

Marina fez 11 birdies nos dois dias para ser campeã geral e da categoria juvenil (16 a 18 anos), com 142 (71-71) tacadas, duas abaixo do par. Ela nunca havia jogado duas voltas abaixo do par antes. Gabriela Castro, do São Fernando, outra juvenil revelação do golfe brasileiro, foi a vice-campeã da etapa com 157 (79-88) tacadas. Maria Luiza Soares, do Porto Alegre CC, ficou em terceiro com 160 (81-79), seguida por Maria Eduarda Ferraz Souza, do Arujá, com 173 (88-85). Maria Luiza foi a campeã pré-juvenil (14 e 15 anos). Na até 13 anos venceu Gabriela Castro, Maria Eduarda Cheuiche, do Dunas Clube, com 165 (82-83), Maria Eduarda Ferraz Souza e Gabriele Rodrigues, do Arujá, com 187 (93-94).

Masculino – Benadiba, que está indo morar e jogar nos EUA foi campeão com 144 (71-73) tacadas, duas acima do par.  Pedro Pelicioni, do Ipê (74-81) e Guilherme Ziccardi (75-80), do Clube de Campo empataram em segundo, com 155. Eduardo Yuji Nonaka (86-78) e Nick Song, do São Fernando (87-77) dividiram o quarto lugar, com 164.

Benadiba foi ainda o campeão juvenil seguido por Pelicioni e Nick. Ziccardi venceu na pré-juvenil, seguido por Yuji e Fernando Kireeff, do Fazenda da Grama, com 171 (86-85). Guilherme Yoshikawa, do Bastos, levou o troféu da até 13 anos com 166 (84-820 tacadas.

Kids – O melhor resultado do Brazil Invitational, do Brasil Kids/US Kids, foi feito pelo paraguaio Maximo Oviedo, que venceu na 10 anos com 136 (68-68) tacadas, oito abaixo do par. Já o segundo melhor resultado foi de Lorenzo Almeida, campeão da 7 anos, com 70 (33-37) tacadas, duas abaixo do par. Nas faixas etárias menores são jogados nove buracos por dia. Destaque ainda para a paraguaia Helena Oviedo Blanco, única competidora da até 8 anos, que somou 73 (37-46) tacadas, uma acima. Houve ainda um francês em campo, Jean Imperiali de Franca Villa, que venceu na 8 anos com 79 (39-40) tacadas.

Todos os outros vencedores foram brasileiros. Arthur Kerr foi campeão da até 6 anos, com 84 tacadas, mesmo resultado de Leonard Kamrath, que ficou em segundo ao perder no playoff. Luca Almeida, irmão mais velho de Lorenzo, ganhou na 9 anos com 146 (73-73) tacadas, duas acima. Na 11 anos ganhou Arthur Fernandes, com 169 (88-81), e na 12 anos ganhou Rafael Quadros com 169 (80-80). Paco Casini, de Búzios, ganhou na 13 e 14 anos, com 182 (81-81), enquanto Pelicioni ganhava na 15 a 18 anos com 155 (74-81).

No feminino, Alexa Alonso venceu na 9 e 10 anos, com 80 (38-42) tacadas; Maria Antônia Gavião, de Porto Alegre, ganhou na 11 e 12 anos, com 158 (82-76); e Gabriela Castro foi campeã na 13 e 14 anos, com 157 (79-78). Esses foram os últimos torneios de 2021 válidos para os rankings nacional, estadual paulista e do Brasil Kids.

Veja também:

Fred Biondi assume a vice-liderança do Latin America Amateur Championship (LAAC) Fred Biondi assume a vice-liderança do Latin America Amateur Championship (LAAC)
Alexandre Rocha disputa o The Bahamas Great Abaco Classic, segunda etapa do Korn Ferry Tour Alexandre Rocha disputa o The Bahamas Great Abaco Classic, segunda etapa do Korn Ferry Tour
Taça de Abertura da temporada de 2022 do Campo Olímpico do Rio de Janeiro Taça de Abertura da temporada de 2022 do Campo Olímpico do Rio de Janeiro
Torneio de Golfe na Riviera de São Lourenço na próxima segunda-feira, dia 24 de janeiro Torneio de Golfe na Riviera de São Lourenço na próxima segunda-feira, dia 24 de janeiro
© 2022 Jornal do Golfe. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.
Toborino Software