Lista/Grade

Campeões do 36º Torneio Aberto do Guarujá Golf Club

Mario Ghisalberti com Luiz Augusto Franca, Karlheinz Neumann, Ademir Mazon e Ronaldo Sachs
Foto: Thais Pastor/ F2

O 36º Torneio Aberto do Guarujá Golf Club, encerrado neste sábado, 19 de junho, no meio do feriadão de Corpus Christi, na Praia de Pernambuco, uma das mais bonitas do litoral paulista, foi mais um exemplo de que o golfe, incluindo o competitivo, não tem idade.

O pelotão masculino do torneio válido para o ranking da Federação Paulista de Golfe (FPGolfe) reuniu Masakazu Shoji, de 80 anos, líder do primeiro dia, Mario Ghisalberti, de 66, que foi campeão e virada, e Renato de Arruda Filho, de 31 anos, enquanto o título feminino era conquistado por Alexa Alonso, de apenas 10 anos, revelação do Brasil Kids, que jogava seu primeiro torneio do tee dos adultos.

Ghisalberti, que defende e joga com apoio do Portal Japy Golf & Spa, começou o dia perdendo por duas tacadas, mas errou muito menos do que na estreia para virar o jogo e ainda vencer por duas, apesar das duas tacadas de penalidade que recebeu por começar o buraco 7 pelo tee errado (do 16) e fazer um triplo bogey, falha comum em campos de 9 buracos, com dois tees de saída próximos um do outro em cada buraco. Ghisalberti, que fez a melhor volta do torneio na rodada final, num dia com muita chuva, que deixou o campo, já difícil, ainda mais pesado, venceu com 166 (85-81) tacadas

Alessandra Araujo, Carla Titinger, Alexa Dresch Alonso e Suzy Lin Ai Fang
Foto: Thais Pastor/ F2

Decisão – Masakazu Shoji, líder da véspera, fez três duplos bogeys-6 para jogar nove acima de dia, e foi vice-campeão com 168 (83-85) tacadas. Renato de Arruda Filho, do Clube de Campo, melhorou dez tacadas no segundo dia e terminou em terceiro, com 174 (92-82). Shoji, no entanto, foi o campeão da categoria com handicap índex até 8,5, com 150 (74-76) tacadas, seguido por Renato de Arruda Filho, com 162 (86-76).

Na 8,6 a 14, vitória de ponta a ponta de Pedro Luiz da Silva, do Guarujá, que somou 134 (69-65) tacadas, oito abaixo do par. Frank Wisbrun, do São Paulo, foi o vice-campeão, com 145 (73-72), e Ricardo Negrão, do São Fernando, levou o troféu de terceiro lugar com 147 (78-69). A seguir terminaram Fábio Negrão, irmão de Ricardo, do Anexo Golf, com 151 (75-76), e Ademir Mazon, presidente da FPGolfe, do Sapezal, com 161 (89-72).

Mais premiados – Na 14,1 a 19,4, Massao Kanesaki, do Sapezal, líder do ranking da categoria, recuperou-se de uma desvantagem de 15 tacadas para vencer com 149 (80-69), ao superar Wellington Mellado, do Guarujá, líder do primeiro dia, que também somou 149 (86-84), nos critérios de desempate. Alex Titinger, do Guarujá, ficou em terceiro, com 150 (77-73), ao se dar melhor nos critérios de desempate contra outros dois golfistas: Marcelo Fonseca, da Associação Esportiva São José (74-76), e Marcelo Moya Dias, do Guarujá (68-82).

Na 19,5 a 25,7, mais um título para o Guarujá, com Eduardo Santos vencendo com 151 (81-70), mesmo total de Luiz Antônio dos Reis, do Santos São Vicente (78-73), vice-campeão nos critérios de desempate. Rodrigo Borges, o Peixe, do Terras de São José, levou o troféu de terceiro lugar com 154 (76-78). A seguir terminaram dois jogadores do São Fernando: Alexandre Mendes, com 157 (76-81), e Karlheinz Neumann, com 158 (75-83).

Na 25,8 a 32, não válida para os rankings da FPGolfe, Carlos Ramos, do Lago Azul, somou 145 (73-72), para superar quatro jogadores da casa: Alfonsin Portas, vice com 149 (72-75); Dieter Woltran, líder do primeiro dia, com acabou em terceiro, com 151 (64-87); Severino Benner, com 152 (73-79) e Ronaldo Sachs, presidente do Guarujá, que empatou em quart com 152 (73-79).

Feminino – Entre as mulheres, Alexa Alonso, de 10 anos, do Terras de São José, levou o troféu de campeã com 194(100-94), num torneio de superação, onde comemorou seu primeiro birdie jogando do tee das adultas. Suzy Fang, do São Paulo, foi a vice-campeã, com 203 (99-104). Na 16,1 a 32,6, a campeã foi Alessandra de Araújo, do Clube de Campo, com 168 (82-86), seguida por Carla Titinger, do Guarujá, com 168 (89-79).

Renato Arruda Filho ganhou os prêmios especiais de longest drive, no buraco 18) e de nearest to the pin, no buraco 2. Já no green-ilha do 17, cartão postal do clube, o Nearest to the Pin foi para Mario Fang, do São Paulo. Os prêmios especiais femininos foram para Alessandra de Araújo, que ganhou o Longest Drive no 18, e para Sayuri Mori, do Arujá, ganhadora do Nearest to the Pin no buraco 2.

Premiação – O torneio terminou com almoço de paella, open bar, com vários tipos de bebidas, mesa de queijos e salgadinhos variados. Os prêmios foram entregues por Ademir Mazon, presidente da FPGolfe; e Ronaldo Sachs, presidente do Guarujá, Karlheinz Neumann, presidente do Conselho, e Luiz França, o capitão do clube.

O 36º Torneio Aberto do Guarujá Golf Club teve patrocínios de Sofitel, Comark, Agência MVP, Ambev, Area Fly Produções, Benner, Cardoso Restaurante, Cellshop, Danimar, Esfera Brasil, Oficina de Ideias, Factual, Grey Goosedewars – Bacardi, Incorfast, Lidio Carraro, Motorola, Newmann, Next Elevadores, NW2, Picrights, RecordTV Litoral e Vale, Réveillon Guarujá, Riskseg, RT Construções, Solyprint, Teamtours, XP e HK.

Resultados completos

Veja também:

Fred Biondi intregra a equipe internacional no Arnold Palmer Cup Fred Biondi intregra a equipe internacional no Arnold Palmer Cup
Alexandre Rocha joga o The Ascendant, etapa do KFT, nos Estados Unidos Alexandre Rocha joga o The Ascendant, etapa do KFT, nos Estados Unidos
Torneio do Instituto Ronald McDonald arrecada cerca de R$ 600 mil em prol de crianças e adolescentes com câncer no Brasil Torneio do Instituto Ronald McDonald arrecada cerca de R$ 600 mil em prol de crianças e adolescentes com câncer no Brasil
Lauren Grinberg e Thomas Choi vencem o Aberto do Ipê Lauren Grinberg e Thomas Choi vencem o Aberto do Ipê
© 2022 Jornal do Golfe. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.
Toborino Software