CALOR X FRIO – O que é melhor na hora da dor?

Compartilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestEmail this to someone

A confusão quanto ao tipo de terapia (quente ou frio) no momento de dor é enorme. As pessoas confundem o momento e o tipo de lesão onde o benefício é maior e esquecem algumas dicas preciosas que podem evitar que essa falta de informação possa causar ainda mais dano à lesão.

A bolsa de gelo ou de água quente, além de ser uma terapia baratíssima e que cada um pode fazer sozinho em casa, pode trazer muitos benefícios no controle da lesão e alívio de dores.

A crioterapia (frio) já foi discutida em muitas pesquisas científicas e enquanto algumas citam que o processo inflamatório é normal e deve ser respeitado, a maioría afirma que o controle da dor e do inchaço é fundamental para a recuperação e principalmente para evitar a medicação mais forte que pode causar muitos efeitos colaterais.

Basicamente a regra é Gelo é para ajudar a controlar a inflamação imediata à lesão e Calor é para dores musculares cronicas e rigidez articular.
Mas vamos elaborar um pouco mais a questão.
Ilustração

Ilustração

Quando usar gelo:

Um tornozelo torcido, ombro deslocado, estiramento muscular, mais conhecido como síndrome da pedrada, batida na cabeça, rompimento de ligamento, tendinites, fascite plantar, síndrome do túnel do carpo, pós cirúrgico… ou seja todas as lesões onde ocorre inchaço imediato e acompanha muita dor. O gelo é uma maneira de diminuir o edema imediato da pele quente e avermelhada e aliviar um pouco a dor, mas não é um tratamento que vai curar a lesão em si. O gelo diminui a resposta metabólica, “adormece” os nervos da dor e promove constrição capilar (diminui o fluxo sanguineo)

Precauções com o gelo:
  • Nunca aplicar a bolsa diretamente na pele, pois pode causar queimaduras graves. É sério, gelo queima!
  • Não ultrapassar os 15 minutos e a frequência de 2 em 2 horas
  • As bolsas com gelos são mais eficientes (atingem menor temperatura) do que aquelas de gel que compramos na farmácia
  • Gelo não se aplica em músculos doloridos como a dor lombar. Nestes casos o gelo pode até piorar a situação. A dor lombar é fadiga, overuse, compensações… raramente é lesão por impacto. A não ser que você tenha tomado um tombo e batido a região, sempre coloque calor.
  • Cuidado quando tiver rompimento da pele (feridas) o máximo de higiene nesta hora é essencial para evitar infeções
Precauções com o calor:
  • Obviamente, não exagere na temperatura para evitar queimaduras. Use sempre um tecido para proteger a pele.
  • Não ultrapasse os 20 minutos
  • Nunca aplique numa ferida aberta. Neste caso somente gelo
  • Aprenda a identificar dor muscular por nódulos (trigger point) do que dor muscular por estiramento e contratura. A regra é, se a pele está vermelha e dolorida provavelmente é melhor colocar gelo, se a dor é pontual e sensível ao toque, provavelmente é melhor calor. Mas na dúvida consulte um médico ou fisioterapeuta
Cuidado com cremes e adesivos do tipo Hot and Cold!
Tiger Balm e estes produtos normalmente contém aditivos químicos como o mentol, cânfora, óleos de cássia e cravo e a capsaicina (proveniente da pimenta). Apesar de provocar uma sensação de calor ou frio, o que realmente faz é confundir os nervos para provocar aumento da circulação (muito superficialmente) e irritar sua pele.
O poder analgésico deles não está comprovado e podem provocar reações na pele.
Africa Madueño Alarcón
Golf Fitness TPI
Edição: 

Veja também:

34ª Taça Associação Paulista de Golfe (APG) no Vila da Mata, no dia 29 de julho 34ª Taça Associação Paulista de Golfe (APG) no Vila da Mata, no dia 29 de julho
Veja o novo site do Golf Pro Tour e participe da VII Etapa no Imperial Golf Club Veja o novo site do Golf Pro Tour e participe da VII Etapa no Imperial Golf Club
Torneio Incentivo ao Golfe terá mais uma etapa beneficente no Embrase Golf Center Torneio Incentivo ao Golfe terá mais uma etapa beneficente no Embrase Golf Center
8º Torneio ABGS de Golfe Sênior do São Paulo Golf Club – Taça Eduardo Chapuis 8º Torneio ABGS de Golfe Sênior do São Paulo Golf Club – Taça Eduardo Chapuis
© 2019 Jornal do Golfe. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.
Toborino Software