Lista/Grade

Brasil Kids Golf Tour classifica 11 atletas brasileiros para o Mundial Kids, em Pinehurst

Compartilhe: Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on PinterestEmail this to someone
Kevin Ihara, Lorenzo Almeida, Luca Almeida e Oliver Kataguiri com suas medalhas Foto: Thais Pastor/F2 Comunicação

Kevin Ihara, Lorenzo Almeida, Luca Almeida e Oliver Kataguiri com suas medalhas
Foto: Thais Pastor/F2 Comunicação

Emoção foi o que não faltou nas quinta e sexta etapas do Brasil Kids Golf Tour 2018, disputadas neste final de semana, sábado, dia 12 de maio, no campo 1 da Fazenda São João da Boa Vista (SJBVG), e domingo, 13, no Terras de São José Golf Club (TSJGC), esse o Tour Championship, valendo pontos em dobro.

O circuito para meninos e meninas de até 14 anos classificou os campeões de suas 12 categorias, 11 brasileiros e um paraguaio, para competir no Mundial Kids, do US Golf Kids, em Pinehurst, nos EUA, sendo que cinco deles – os com melhores índices técnicos – ganharam ainda passagens de ida e volta para o Mundial, oferecidas pela MY Viagens.

Nelson Shikicima e sua Caloi Foto: Thais Pastor/F2 Comunicação

Nelson Shikicima e sua Caloi
Foto: Thais Pastor/F2 Comunicação

Os pontos altos da etapa final, no Terras de São José, foram o primeiro hole-in-one da história do Brasil Kids Golf Tour, feito por Wesley Franco, de Bastos, de 12 anos, que ganhou uma bicicleta Caloi; um desafio de embocadas entre os 120 participantes, onde Nelson Shikicima, de 10 anos, ganhou outra bike Caloi, num desempate entre quatro jogadores; e um playoff digno de PGA Tour, entre os meninos de até 6 anos, onde Oliver Kataguiri fez um eagle de fora do green, para ganhar de Luca Almeida, que tinha batido drive para o green do buraco 1, de par 4, mas errou o putt para eagle por centímetros.

Decisões – O playoff emocionante da categoria até seis anos, acompanhado por dezenas de torcedores, retrata fielmente a evolução do nível técnico desses pequenos campeões desde a criação do circuito, em 2017. Em todas as 12 categorias de idade – oito masculinas e quatro femininas -, os resultados têm sido cada vez melhores, sem exceção, como comprava o fato de todos os campeões terem atingido o índice técnico exigido para fazer jus à vaga para o Mundial. Outro destaque são os pais e mães caddies, que a cada torneio compreendem melhor a sua dupla função em campo, dando suporte, mas também autonomia para seus filhos jogadores desenvolverem todo seu potencial.

A vitória de Oliver Kataguiri na etapa final foi uma justa recompensa por seu esforço durante todo o ano, depois de ter sido vice-campeão nas cinco etapas anteriores, todas ganhas por Luca Almeida. Luca perdeu a etapa final, mas foi o campeão geral da categoria até seis anos, com um dos melhores índices técnicos do circuito, ganhando uma das passagens da My Viagens para o mundial, além de uma bandeira do US Golf Kids autografada por todos os campeões.

Passagens para o Mundial – Também venceram em suas categorias com um dos cinco melhores índices técnicos do circuito e direito a passagem da My Viagens para o Mundial Kids, Bernardo Brezolin, de Pelotas (RS), que ganhou três etapas da categoria até 9 anos, incluindo a final, e foi vice nas outras três; Gabriel Holtz, do Ipê GC, de Ribeirão Preto, na 11 anos, que fez o melhor índice técnico masculino do circuito, com cinco títulos e um vice; Isu Choi, do Terras de São José e aluna da Jack Nicklaus Academy, do Terras II, da 12 a 14 anos, que fez o melhor índice técnico feminino, também com cinco vitórias e um vice, e Wesley Franco, entre os de 12 anos.

O exemplo de Wesley, de Bastos, é um dos mais interessantes do Brasil Kids, pois ele vem de uma família de baixa renda e só se aproximou do golfe há dois anos, pensando em ganhar um dinheiro como caddie. Felizmente ele conheceu Milton Hayashi, sócio do Bastos, que, apesar de jogar golfe há apenas três anos, viu o potencial do menino e decidiu apostar nele, pagando as despesas para ele ser sócio atleta do clube e bancando suas viagens para jogar golfe, incluído as do Brasil Kids, onde Wesley venceu cinco etapas e teve um terceiro lugar.

Hayashi, que é o caddie de Wesley nos torneios, até deu uma bicicleta para o jovem campeão poder ir ao clube mais facilmente (antes ia a pé), mas, neste domingo, o novo herói do golfe de Bastos ganhou outra bike, da Caloi, ao fazer o primeiro hole-in-one de sua carreira e do Brasil Kids, ao usar um ferro 5 para embocar de primeira no buraco 7 do Terras de São José, um par 3 em subida, com 130 jardas. Um hole-in-one ainda mais emocionante pois não se consegue enxergar o green do tee e eles só viram que a bola havia entrado ao chegar ao buraco.

Mais campeões – Também venceram suas categorias na soma das seis etapas e ganharam o direito de jogar no Mundial Kids, o paraguaio Juan Lucas Mariatti (meninos até 7 anos), que teve três vitórias e três vices; Felipe Fittipaldi, do Clube de Campo (8 anos), com quatro vice-campeonatos e dois terceiros; João Vicente Gavião, do Belém Novo (10 anos), com três vitórias e três vices; Nick Song, do São Fernando, (13 e 14 anos), com duas vitórias, três vices e um terceiro lugar; Maria Eduarda Ferraz Souza, do Arujá (meninas até 7 anos), com quatro vitórias e dois vices; Hyunyoo “Matilda” Choi, do Terras de São José e Jack Nicklaus Academy (8 e 9 anos), com quatro vitórias e dois vices; e Martina Collares, do Porto Alegre CC (10 e 11 anos), com duas vitórias e quatro vices.

Além de medalhas para os cinco primeiros colocados de cada categoria, nas etapas da Boa Vista e do Terras de São José, foram entregues ainda aos cinco primeiros colocados de cada categoria, na soma das seis etapas, troféus especiais, além de um kit de chocolates Neugebauer. Os campeões de categoria que somaram mais pontos nas cinco etapas ganharam ainda bandeiras do US Golf Kids autografadas.

US Golf Kids – O Brasil Kids Golf Tour passou a integrar, a partir de 2018, os International Local Tours do US Golf Kids, dando aos campeões de suas temporadas uma alta prioridade de inscrição para os principais campeonatos do circuito americano, entre eles o Mundial Kids. Outros seis torneios do Brasil Kids estão previstos para o segundo semestre, de agosto a novembro, no Clube de Campo, Damha, Lago Azul e Arujá (a confirmar), sendo Damha e Lago Azul com rodadas duplas.

Os prêmios finais foram entregues por Álvaro Almeida, patrono do Brasil Kids Golf Tour, organizado pela Fundação que leva seu nome; Felipe Almeida e André Conolly, respectivamente presidente e vice do circuito; Philippe Gasnier, profissional da Jack Nicklaus Academy of Golf, do Terras II, representando o TSJGC; e representantes dos patrocinadores presentes: Alexandre Parra de Siqueira, da Rojas e Siqueira Advogados, e Vinicius Salvador, da My Viagens.

Patrocínio – O Brasil Kids Golf Tour 2018, do Instituto Álvaro Almeida, teve patrocínio ouro de Bradesco Private Bank, Shopping SP Marketing, Polaris Investimentos e Grupo Financial; patrocínio prata de MW2 Group, Neugebauer, e Rojas e Siqueira Advogados; apoios de Saúde a Qualquer Hora, Águas Prata, Caloi e My Viagens e Eventos; e parceira da Federação Paulista de Golfe, Confederação Brasileira de Golfe, US Kids Golf e Corujinha.

Clique aqui para ver a classificação final do Brasil Kids Golf Tour – 1º semestre 2018 (6 etapas).

Edição: 

Veja também:

8ª etapa do Tour 2018 do Torneio Incentivo ao Golfe no Champs Privés 8ª etapa do Tour 2018 do Torneio Incentivo ao Golfe no Champs Privés
VI Etapa do Golf Pro Tour no Clube de Campo São Paulo no dia 21 de agosto VI Etapa do Golf Pro Tour no Clube de Campo São Paulo no dia 21 de agosto
Inscrições abertas: Aberto do Estado do Rio de Janeiro no Frade, em Angra dos Reis Inscrições abertas: Aberto do Estado do Rio de Janeiro no Frade, em Angra dos Reis
Campeões da 38ª Taça Associação Paulista de Golfe (APG) no Vila da Mata Campeões da 38ª Taça Associação Paulista de Golfe (APG) no Vila da Mata
© 2018 Jornal do Golfe. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Valid.
Toborino Software